August 3, 2018 / 10:21 AM / in 3 months

Tarifas EUA-China ameaçam cadeias de fornecimento europeias de bens de capital

ESTOCOLMO, 3 Ago (Reuters) - As empresas de bens de capital europeias estão a começar a revelar a tensão dos conflitos de comércio de Washington e outros países, com as tarifas a fazerem a subir os custos de peças de maquinaria e de matérias-primas e ameaçam pioraram os estrangulamentos de fornecimento.

Os fabricantes de maquinaria que dependem de milhares de pequenas peças de todo o mundo - da fabricante de corta-relvas sueca Huqsvarna à fabricante de turbinas eólicas Siemens Gamesa - estão a sentir os efeitos nas suas cadeias de fornecimento.

As fabricantes de automóveis, directamente na linha de fogo com tarifas sobre automóveis construídos nos Estados Unidos para exportação para a China a subiram para 40 pct, já lançaram o alarme sobre os lucros e subidas de preços.

Mas os analistas estimam que entre 65 e 80 pct dos 34 mil milhões de dólares de bens afectados enviados dos Estados Unidos para a China não são vendidos directamente aos consumidores mas são apenas componentes chave utilizados noutros produtos.

“Apesar de alguma exposição financeira ‘directa’ ser bastante limitada, acreditamos que ser]a nos efeitos ‘indirectos’ que pode ser mais significativa”, escreveram numa nota publicada esta semana os analistas de bens de capital da Morgan Stanley Ben Uglow e Lucie Carrier. Texto integral em inglês:

Reportagem de Esha Vaish, Traduzido para português por João Manuel Maurício, Gdynia Newsroom Editado por Patrícia Vicente Rua em Lisboa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below